Como monetizar os visitantes do meu blog ou portal com Marketplace?

Por: Luis Ribeiro . Publicado em:11/10/2018

Marketplace

Provavelmente você já deve ter se deparado com o termo Marketplace.

Seja em alguma notícia sobre o Uber, Airbnb, ou mesmo alguns e-commerces brasileiros – como a Magazine Luiza –  que recentemente anunciaram Marketplaces em seus próprios negócios.

Sua popularidade deve-se ao fato de ser um modelo de negócio escalável e exponencial, onde o único trabalho do administrador é conectar oferta e demanda.

Quer entender melhor o que é um Marketplace? Descubra neste artigo.

Porém, o que muita gente não sabe, é que o marketplace também pode ser utilizado para ajudar pequenas e médias empresas a crescerem exponencialmente. Inclusive, o mesmo pode ser feito em blogs ou portais de conteúdo.

Isso é possível porque o combustível de qualquer marketplace de sucesso é a demanda de compradores. De nada adianta ter cadastrada uma rede enorme de vendedores/fornecedores, se não existir um fluxo de compradores interessados.

Pensando nisso, se você já tem um fluxo contínuo de visitantes no seu site/blog/portal de conteúdo – principalmente devido às estratégias de indexação no Google – você já possui uma das peças mais importantes para um Marketplace bem-sucedido.

Por isso, além de monetizar seu conteúdo com publicidade e outros meios tradicionais, você pode implantar uma estratégia de Marketplace e potencializar seu faturamento.

Ficou curioso para entender como pode crescer exponencialmente a receita do seu portal, blog, ou mesmo canal no Youtube?

Então acompanhe abaixo as melhores maneiras de usar o Marketplace como sua estratégia de monetização.

Por que um Marketplace para Blogs, Portais de Conteúdo e Canais no YouTube?


Quando um visitante acessa o seu blog ou portal de conteúdo através de uma busca orgânica, ele encontra um conteúdo que o ajuda a resolver um problema que esteja enfrentando, correto?

Às vezes, esse conteúdo é apenas uma dica ou um tutorial, e ele consegue resolver sua demanda sozinho. Mas, em muitos casos, as pessoas não têm a habilidade necessária para resolver o que precisam por conta própria. Ou, simplesmente, não contam com o tempo necessário para isso.

Na prática, pense no exemplo de uma pessoa buscando saber como pintar a parede do seu apartamento com uma textura diferenciada.

Ela busca no Google e encontra o seu blog/portal de conteúdo, ou até mesmo o seu canal no YouTube, consome a sua dica, acha interessante, mas não consegue disponibilizar tempo para fazer a pintura na sua casa devido à outras prioridades, ou simplesmente tem medo de fazer por conta própria e não obter o resultado esperado.

Agora perceba: você já possui o mais importante!

A demanda de um cliente com interesse em resolver o problema dele e potencialmente disposto a investir dinheiro, contratando o serviço de um pintor que saiba fazer a textura que ele está buscando.

Do outro lado, você como administrador do portal de conteúdo, referência naquele nicho de mercado, já deve conhecer e eventualmente indicar profissionais da área que sejam qualificados para esse tipo de demanda. Afinal, você escreve sobre isso e é especialista no assunto.

Seus visitantes já te enviam e-mails, mensagens no Facebook, comentários no YouTube, etc, solicitando indicações de quem poderia ajudá-los com determinada demanda.

Se você já viu isso acontecer, e você está fazendo essas indicações de forma manual, ou somente divulgando seus fornecedores como uma lista de classificados no seu site, similar às antigas “páginas amarelas” das obsoletas listas telefônicas, você não está agregando o valor que poderia para os seus visitantes (e, consequentemente, não está monetizando como poderia).

A solução para melhorar esse processo seria: reunir seus fornecedores/parceiros em um único lugar, onde o visitante poderia buscar, comparar, orçar, negociar e contratar online conforme a sua demanda. E você, como dono dessa plataforma que facilita as conexões e compra do seu visitante com os seus fornecedores, pode cobrar por isso.

Esse modelo é chamado de Marketplace. A mesma estratégia que você já viu  sendo usada por grandes E-commerces e Startups de tecnologia, mas que agora pode ser aplicado facilmente na sua empresa.

Como monetizar o seu Portal de Conteúdo com Marketplace?


Agora que você já entendeu como o Marketplace se encaixa ao seu portal de conteúdo, vamos às diferentes formas de monetização possíveis com essa estratégia. Ou seja, como você conseguirá aumentar o seu faturamento.

Para colocar em prática essas formas de monetização na sua plataforma de marketplace, você irá precisar de um Gateway de Pagamento (que tenha a funcionalidade de Split caso cobre comissão sobre as vendas), e ter um processo interno para gerar Nota Fiscal e evitar a bi-tributação no seu negócio.

Para melhorar ainda mais essa estratégia, o seu portal de conteúdo provavelmente trata de assuntos de um determinado nicho de mercado, correto?

E, apenas para você saber, os Marketplaces de Nicho são os que têm maiores taxas de conversão de visitantes em vendas. E, consequentemente, maior lucratividade na sua estratégia de marketing, tendo um prazo menor de retorno sobre o investimento.

Quer descobrir se o seu projeto de marketplace vai ser rentável? Descubra neste artigo.

Como implantar um Marketplace?


Bem, vamos recapitular: você já possui a demanda de visitantes, tem capacidade de acessar vendedores/fornecedores, e agora já viu que o Marketplace é uma oportunidade de aumentar o faturamento do seu portal de conteúdo. O que está faltando? Apenas a tecnologia para fazer tudo isso rodar.

E é exatamente nessa parte que o Ideia no Ar pode te ajudar. Somos especialistas em auxiliar empresas como a sua a monetizar sua base de visitantes e vendedores. Para isso,  oferecemos uma plataforma completa que permite que você crie o seu próprio Marketplace de Nicho.

Ficou interessado em saber como a nossa plataforma funciona?

Receba um diagnóstico gratuito do seu negócio e entenda se você pode se tornar um Marketplace de sucesso. Basta preencher este rápido formulário e um dos nossos consultores especialistas entrará em contato com você.

Botao_capitulo5


Luis Ribeiro

Publicado por:

Luis Ribeiro

Veja também

Acompanhe nossos materiais e conteúdos, para aprender tudo sobre como criar seu próprio marketplace de nicho, seja para escalar sua empresa ou monetizar sua base de vendedores e clientes.